Geração eólica cresce 53% em 2016

Dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica – CCEE mostram que, entre janeiro e maio de 2016, a geração de energia eólica no Sistema Interligado Nacional – SIN cresceu 53%. As usinas da fonte produziram 2.703 MWmédios frente aos 1.762 MWmédios gerados no mesmo período do ano passado.

 

A capacidade instalada dos 356 empreendimentos eólicos em operação no Sistema alcançou a expressiva marca de 9.092 MW, incremento de 46,5% na comparação com os 6.211 MW registrados em maio de 2015, quando havia 244 projetos em operação.

 

Em maio, dados consolidados da CCEE, por estado, indicam que o Rio Grande do Norte permanece como maior produtor de energia eólica do país. As usinas potiguares produziram um total de 960,5 MWmédios no mês, aumento de 33,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Em seguida, aparece o estado da Bahia com 712,6 MWmédios (+54%) produzidos, o Ceará com 470 MWmédios (+24%) e o Rio Grande do Sul, que alcançou 461 MWmédios (+41%) em maio.

 

Os dados sobre a capacidade instalada ainda indicam a liderança do Rio Grande do Norte com um total de 2.711 MW, aumento de 29% em relação ao mesmo período do ano passado. Em seguida, aparece a Bahia com 1.750 MW (+82%), o Ceará com 1.615,5 MW (+24%) e o Rio Grande do Sul com 1.569 MW (+20,8%).

 

26/07/2016

Fonte: CCEE